sábado, 11 de julho de 2015

Resenha: antologia "Vida & Verso"

por Maria José

 Olá, para quem não me conhece, meu nome é Maria e sou dona do blog literário Pétalas de Liberdade, além de colaboradora aqui no blog da editora. No post de hoje, venho trazer uma resenha da antologia Vida & Verso, que foi organizada pela Rô Mierling e que a editora lançou pelo selo Antologias Brasileiras em 2015.

 O livro reúne poemas de 30 poetas e poetisas, todos com o mesmo tema: a vida. Creio que o fato de haver um tema central para as poesias, tornou a leitura mais agradável. E mesmo com a definição do tema, pude perceber que cada autor buscou um caminho diferente para escrever suas poesias para o livro. Alguns escreveram sobre coisas aleatória da vida, outros, como o André Moricz, por exemplo, usaram o seu "capítulo" na antologia e escreveram um poema sobre cada fase da vida, desde o início até o final. 


 Foi uma leitura muito agradável, gostei muitos de um número grande de poemas, de forma que foi difícil selecionar só alguns para colocar na resenha (espero que vocês consigam lê-los pelas fotos). O Diego Fontenele escreveu um poema bem bonitinho e com o qual me identifiquei bastante, mostra um pouco da dificuldade e do que um poeta passa ao tentar escrever algo:


 Os poemas "A estrada nunca para" e "A ordem da vida", do Rafael Ferrari trazem uma reflexão interessante sobre a vida; ninguém escolheu nascer, mas parece que as outras pessoas não levam isso muito em conta. E se veem alguém tentando levar a vida num ritmo diferente, já começam a criticar. E nessa de "nasce, cresce, se reproduz e morre", quando é que a gente vive?


 Como nem só de coisas boas é feita a vida, a Cintia Santos escreveu um poema muito bom sobre a violência:


 Definitivamente não consegui escolher um poema preferido, mas pelo número de poemas da Giovana Minotto que gostei, acho que ela foi a minha escritora favorita da antologia. "Liberdade em grades" faz um retrato da liberdade que dizem que temos, mas que não conseguimos usufruir. "Eu queria poder dizer que as pessoas se matam por se matar, mas todos possuem um motivo e nunca é querer morrer... O problema de viver sempre foi sentir", acho que esse é meu trecho favorito de todo o livro.


 E olha que lindo o mundo do coração do poema escrito pelo Alex Reis!


 Quando fiz um post em meu blog mostrando os exemplares das antologias que recebi da Editora Illuminare, muita gente elogiou a capa nos comentários, e Vida & Verso é um livro realmente lindo por dentro e por fora, no visual e no conteúdo. A diagramação traz letras, margens e espaçamento de bom tamanho, e as páginas são amareladas.
Contracapa

Nome dos autores participantes

 Enfim, Vida & Verso é um livro que gostei de ler, e que recomendo tanto para quem já gosta de poesia, quanto para quem ainda não tem o hábito de ler esse gênero. O bom de um livro de poemas, é que você pode lê-lo todo de uma vez, ou aos poucos, e pode relê-lo futuramente, decorar seus poemas favoritos... É um tipo de livro que pode te acompanhar por muito tempo.

 Detalhes: 100 páginas, ISBN-13: 9788568904039, Skoob, compre no site da editora.

 Por hoje é só; espero que vocês tenham gostado da resenha. A Editora Illuminare está com seleções abertas para novas antologias, além de um concurso de contos, para saber temas e detalhes, é só acessar a página no Facebook. Uma coisa é certa: as edições são super caprichadas!

Até o próximo post!

Um comentário:

  1. Amei a resenha. Foi uma honra poder ter participado desta maravilhosa obra.

    ResponderExcluir